mesa de jantar redonda com cadeiras diante de painel de madeira ebanizada na parede

Novos revestimentos e marcenaria bem pensada transformam kitnet na Asa Norte

Reforma assinada pelo Studio Ark acolhe com graça estar, jantar e descanso em 33 m²

Fotos: Joana França

Trilhos no teto criam cenas de luz. Tela de Sando Gos sobre o sofá

Sinônimo de vida compacta, as kitnets nem sempre ganham a atenção que merecem. Mas um projeto inteligente basta para provar que morar em studios pode ser uma decisão acertada. “Este apartamento já havia passado por uma reforma anterior, mas manteve quarto, sala e cozinha separados. A proprietária chegou tímida com uma ideia de integrar parcialmente os ambientes. Acabamos sendo mais atrevidos e derrubamos quase todas as paredes”, conta o arquiteto Bruno Pessoa, nome no comando do Studio Ark

O endereço nas quadras 700 da Asa Norte já tem vocação para a modernidade por apostar no uso misto – o térreo comercial convive em paz com pavimentos superiores residenciais. Daí a vontade de tornar os 33 m² bem acolhedores, para dar clima de casa para a moradora, uma funcionária pública que veio do sul do Brasil e abriu mão do carro, já que mora perto do trabalho. 

LEIA MAIS: Apê integra varanda e amplia espaços de convivência

A base neutra é quebrada apenas pelo sofá de veludo cor de rosa (Acervo Mobília)

Todos os revestimentos foram trocados. No piso, agora reina um porcelanato cinza de grande formato – o mesmo material está presente em todo o espaço, trazendo unidade visual. A cozinha, antes fechada, ganhou bancada aberta para a área social. “Aproveitamos o granito cinza andorinha, material barato, mas escolhemos uma chapa com acabamento escovado, de aparência mais contemporânea”, detalha Bruno. A marcenaria bem desenhada completa o projeto, reservando espaço para roupas e objetos por trás das lâminas de madeira ebanizada. 

vista geral da kitnet mostra ilha da cozinha, painel de TV, quarto e sala
Sem paredes ou corredores, a kitnet tem circulação livre e funcional
Os dois volumes de madeira ebanizadas ao lado da cama são armários, que contribuem para deixar o quarto mais escuro e favorecer a hora do sono. A cabeceira ripada com acabamento de laca segue o mesmo tom de cinza claro do painel da TV
painel de TV giratório atende sala e quarto
O armário posicionado diante da cama amplia o espaço de armazenamento e apoia o painel de TV giratório, permitindo que o equipamento seja visto do quarto e da sala

A base simples de cinza, preto e branco se torna mais acolhedora com pitadas de cor. A grande aposta é o rosa delicado do sofá de veludo da Acervo Mobília. Vem da mesma loja as banquetas da cozinha e a mesa e as cadeiras que ocupam a varanda com ares de sala de jantar. De rara presença em imóveis pequenos, a mesa de centro garimpada em antiquário tem o jacarandá como matéria-prima. Escolha que ilustra o valor de um novo olhar sobre o belo, como o destinado à kitnet, agora renovada.

cozinha pequena com ilha de granito e armários brancos
Atrás da porta dupla de madeira ebanizada, uma pequena área de serviços abriga máquina de lavar roupas e acessórios de limpeza

LEIA MAIS: Apê se moderniza e mantém charme de janelão e cobogó

mesa de centro madeira jacarandá vista de cima
Comprada em loja de antiguidades, a mesa de centro de jacarandá compõe a sala de estar
mesa de jantar redonda com cadeiras diante de painel de madeira ebanizada na parede
A mesa de jantar disposta diante da esquadria que vai do piso ao teto parece estar numa varanda. A condensadora do ar condicionado está escondida atrás do painel ebanizado. Persianas embutidas no teto trazem privacidade, quando necessário

5 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *